quinta-feira, 11 de outubro de 2012

VENHA SAUDAR A PRIMAVERA COM AS GRACIOSAS FADAS DAS FLORES

Texto de Lilly Rose. Inspirado e Adaptado de Alejandra Ramírez, El Gran Libro de Las Hadas, Editora Ibsa e www.en.wikipedia.org - Imagens todas da Autoria de Cicely Mary Barker, Fonte: www.worldpress.com

Imagem- Layout By Fairy

Dentre as diversas categorias de Fadas, uma das mais bela sem dúvida é a categoria das "Fadas das Flores".

Esta é composta por um numeroso grupo de Fadinhas de porte delicado e diminuto.
Por sua graciosidade e beleza infantis, provavelmente entre as Fadas, são as favoritas dos grandes artistas.

Durante séculos, as flores têm servido como ponte de união entre o mágico Mundo das Fadas e o Mundo dos Mortais.

Nas flores, mesclam-se beleza, cores e o perfume, tão apreciados por ambos os Mundos.

Fadas como nós Mortais, não resistem aos encantos das belas flores. - "The Heliotrope Fairy".

É tão grande a paixão que as Fadas sentem pelas flores, que elas não podem evitar os locais onde as mesmas se encontram.

Portanto, aqueles que desejarem atrair estas Fadinhas (para delas por exemplo, obter sorte) devem encher sua casa, com vistosos e coloridos arranjos florais.

As Fadas das Flores são representadas tal qual crianças de pouca idade.
Vestem-se com pétalas florais e possuem asas, semelhantes às de uma borboleta.
Às vezes, estes diminutos seres, usam também um pequeno chapéu; que não é nada mais que uma delicada flor, colocada sobre a cabeça.

Uma pequena Fada e seu belo chapéuzinho com pétala
de flores. - "The Canterbury Bell Fairy".

Embora algumas vezes façam isto para divertirem-se, não é um capricho que escolham pétalas de flores como vestido. Além da ernorme alegria que isto lhes traz, tal vestuário confunde-as com a Natureza. Desta forma, correm menor risco de serem descobertas pelo Ser Humano.

Dentro da grande variedade de flores, estas Fadinhas preferem aquelas de maior colorido. Neste grupo podemos destacar as rosas, lírios, margaridas, as campainhas ou sininhos e as violetas.

Fadas das Flores possuem asas semelhante às de uma borboleta. Esta acima, carrega alegremente suas flores favoritas, como as Margaridas.

A grande semelhança destes graciosos seres com crianças, estabelece com as mesmas, um vínculo muito especial.
Pois tal qual nossos pequenos, as Fadas da Flores são igualmente diminutas, ternas e inocentes.
Adoram brincar com pequenos animais, disfarçando-se por entre a relva, ou pulando e vibrando umas com as outras.

Três Fadinhas Bebês brincam com pequenos animais, por entre as flores.

São também mestras em confecionarem instrumentos musicais. Para aqueles que têm sorte é possivel vê-las então, cantando e dançando alegremente por entre as flores.

Uma Festiva Orquestra de Fadas das Flores. - "Fairies Orchertra"

O tamanho que apresentam, de facto é diminuto. No máximo com 4 cm de altura.
Em ocasiões de celebrações, pequenos grupos podem ser avistados, levantando suas mãozinhas, ou cantando em suas graciosas "orquestras".

A diminuta Fada Floral e sua amada Flor "Dente de Leão"

Além de possuírem um forte vínculo de proteção para com suas amadas flores, tais Fadinhas mantêm uma vida comunal. Seu entretenimento favorito é formarem círculos de músicas angelicais, alegres e coloridos.

Fadas divertem-se ao dançarem juntas, pois amam a vida comunal. - "Dancing Fairies"

Das flores, elas conhecem todos os seus segredos, bem como sua linguagem.
Comunicam-se com elas em sua própria língua.

Quando encontram alguém que julguem digno de sua confiança, partilham este conhecimento com o Homem.

Além da amarem as flores, Fadas Florais são muito zelosas com suas pequenas irmãzinhas. Desde cedo aprendem a linguagem e os segredos das Flores. - "The Sweet Pea, Fairies"

Explicando-lhe poderes mágicos, efeitos curativos, ou ensinando-lhe algum feitiço, que tenham aprendido das Bruxas.

Normalmente cada Fadinha escolhe uma flor, com a qual mais se identifica.
Feita a escolha irá enfeitar seu corpo com as petálas da referida flor. À noite, a mesma será seu aconchegante leito. E ao amanhecer, despertará com o orvalho.

O amor de uma Fada por sua Flor predileta, é sempre um momento de grande doçura e magia.- "The Rose Fairy".

Este é o gracioso ciclo de vida de uma Fada das Flores. Ele finda-se apenas quando o corpo da referida Fadinha estiver pronto para galgar mais um degrau, na Hierarquia Etérica.


CICELY MARY BARKER (28/06/1895 - 16/02/1973)

Cicely Mary Barker, a ilustradora de Fadas inglesa, mais famosa do Século XX.

Imagem-Layout By Fairy
 
   CONHEÇA O MÁGICO MUNDO DE CICELY MARY BARKER
       BASTA CLICAR   
AQUI 

A inglesa Cicely Mary Barker tornou-se no início do Século XX, mundialmente conhecida por suas belas ilustrações sobre Fadas e Flores.

Também nos dias atuais, suas obra são amplamente apreciadas por adultos e crianças.
E utilizadas em livros do gênero infanto-juvenil, quando os temas são fadas ou flores.

Com um talento nato para o desenho, a então menina Cicely fez um curso de ilustrações por correspondência, na Escola Croydon de Arte.

Seu primeiro trabalho profisssional consistiu em criar delicados cartões e ilustrações, para revistas juvenis.

O sucesso e aceitação foram tamanhos, que logo Barker lançaria seu primeiro livro.
Este chamou-se "Fadas das Flores da Primavera" e foi publicado no ano de 1923.

A primeira grande publicação de Cicely Barker, seu livro
"Flower Fairies of The Spring".

A partir de então, dezenas de livros similares foram publicados por Cicely, nas décadas seguintes. Um merecido destaque para: Fadas das Flores do Verão, do Outono e do Inverno.

O traçado de seus desenhos tornou-se clássico, suave, gracioso e inconfundível.
Até hoje, muitos livros sobre Fadas, apresentam as famosas ilustrações da talentosa Cicely Mary Barker.


Aromas de Rosas...

Lilly Rose