segunda-feira, 23 de novembro de 2009

BJORN O VIKING E A FESTA DOS ELFOS DE LUZ


Texto de Lilly Rose, Inspirado Na Antiga Lenda Viking, "As Divindades da Noite", Autor Desconhecido, Livro Os Vikngs - Mitos e Lendas, Editora Ática. Imagem Fonte:www.google.com - Arte Final Ce.Ferreira.

BJORN O VIKING E A FESTA DOS ELFOS DE LUZ


Em Tempos que há muito se foram, no Reino dos Corajosos Vikings a Magia Etérica do Amor se manifestou...

Um Jovem Guerreiro de nome Bjorn, em uma Cálida Noite de Lua Cheia poz-se a caminhar por entre a mata fechada próxima a seu Povoado. Seu único Guia era tão somente a Bela Lua Prateada, a Eterna Companheira do Amor.

Mas aquela não era uma noite comum, era a Noite de Festa dos Elfos de Luz!

Entre os Vikings, os Elfos eram considerados Divindades Etéricas Protetoras das Flores e dos Regatos Cristalinos. Suas Celebrações eram contadas de Pais para Filhos e seu Momento mais Belo "A Festa dos Elfos de Luz" era Deleite para poucos e privilegiados Olhos Mortais.

Mas um Perigo havia para presenciar ou participar de tamanha Fascinação!

Diziam os mais Antigos aos Jovens:

"O Mortal que adentrar em uma Roda de Alegres Elfos correrá o Risco de ser Levado definitivamente para o Pais destes Seres Etéricos,"O País do Sol".

Bjorn sabia de todas estas Histórias e Perigos, mas naquela noite vislumbrou o Jovem, entre os raios do Luar uma Belíssima Elfa que retribuiu-lhe de imediato sua apaixonada afeição. E por este motivo Bjorn prosseguiu em sua Caminhada.

E eis que em determinado momento ele deparou-se diante da mais radiante visão que seus olhos jamais haviam visto!

Dentro de uma frondosa clareira, lá estavam alegremente um Grupo de Graciosos Elfos e Elfas a rodopiarem com encanto e leveza em uma Mágica Roda de Luz !

Seus pés eram tão delicados que nem chegavam a tocar o solo, somente roçavam a grama sem amassar uma folha sequer!

Enebriado com o que via, Bjorn não tardou a identificar entre os demais Seres Etéricos sua apaixonada Elfa, de lindos olhos verdes a convidar-lhe para adentrar na Roda Élfica da Festa do Sol.

O Coração de Bjorn disparou e o desejo de estar ao lado de sua Amada, só fazia crescer em seu peito...

Contudo sua mente naquele instante, em um turbilhão de pensamentos transformou-se e entre tamanha tormenta Bjorn lembrou dos avisos dos Anciãos de seu Povo, sobre as consequências de um Mortal decidir-se em entrar uma Roda de Elfos de Luz.

Mas como resistir ?? Sua Amada Elfa era tão linda, e sorria-lhe com sua Alma e seu Coração para ele. Pura, tão leve e desejável que Bjorn estava prestes a esquecer-se de todo e qualquer perigo que envolvia o País dos Elfos de Luz.

Não resistindo mais à tamanha tentação Bjorn finalmentre entrou na Roda dos Elfos e bailou com sua Amada que estendia-lhe sua delicada e luminosa mão a qual ele ternamente beijou!

Todavia no momento em que o Apaixonado Casal tocou um os lábios do outro, por entre a mata ouviu-se de súbito o canto de um Galo. A ave estava a anunciar o romper da Aurora, avisando que chegava ao fim a Festa dos Elfos de Luz.

Bjorn olhou ao seu redor e a mágica Roda de Elfos simplesmente desaparecera e com ela sua Amada Elfa.

Ao sentir-se totalmente sozinho na clareira, o jovem Viking primeiro pensou ter sonhado ...Mas Não!!! Naquela resplandescente Aurora, onde o orvalho delicadamente pousava sobre as folhas, a vistosa grama ainda marcava nitidamente o Círculo formado pela Graciosa Roda de Elfos.

Desde aquela Aurora então, Bjorn jamais fôra visto novamente!. Teria ele transformado-se em cristalina gota de orvalho p/junto de sua amada Elfa, eternamente zelarem pelas Flores e Regatos Encantados da Querida Mãe Terra.


Aromas de Petûnias...

Lilly Rose