sábado, 11 de abril de 2009

O PEQUENO GLOSSÁRIO DO CLICK DAS FADAS



Texto de Lilly Rose, Adaptações de Diversos Autores - Imagem de Abertura Fonte: www.recadosonline.com - Demais Imagens Fonte: Arquivos de Patrícia Bruno.




DAMA BRANCA: Presente em todos os Países de Origem Celta, a Dama Branca é a Dríade da Morte. É o aspecto da Anciã na Tríplice Deusa, domina a morte, a aniquilação e a destruição.

DANA: Patrona dos Magos, Rios, Águas e poços. Influencia na Prosperidade, na Magia Benfazeja, na Fartura e na Sabedoria. É até os dias Atuais, a principal Deusa Mãe do Povo Irlandês. Também conhecida pelos nomes de Anu, Deusa da Lua, Grande Mãe ou Mãe dos Deuses.


DANÇA: Presente milenarmente em muitos Rituais de Diversas Tradições, a dança cria Energia e faz parte de gestuais Mágicos e Divinos. Normalmente possui movimentos repletos de significados, que por vezes, são mais poderosos que as palavras.


DAFNOMANCIA: Antigo Método Divinatório, segundo o modo pelo qual arde um ramo de Loureiro, lançado ao Fogo.


DEASIL: Movimento no sentido Horário, que é o do Sol, realizado durante um Ritual, para que passem as Energias Positivas entre Nós e o Ambiente que nos cerca.


DEFESA: Runa Viking, cujo significado simboliza o Teixo, ou um Arco feito de Teixo. Representa igualmente a Magia Rúnica em si e Poderes Preventivos. O Termo também está associado aos Calendários Rúnicos ou Pauta Cerimonial.


DEFUMAÇÃO: O.B.S - " Prática não Indicada para Crianças."
Uma Prática eficaz para afastar Seres Negativos e Limpar os Ambientes. Deve-se iniciá-la varrendo todo o Local préviamente, em seguida acender um "braseiro" com três tipos de Ervas adequadas à função. É importante ressaltar, que defuma-se um Local sempre de dentro para fora, mantendo durante o processo, apenas pensamentos positivos e pedindo ao Divino, ajuda para limpar sua casa, você e sua Família .
As três ervas sugeridas ( entre várias outras ) pelo Click das Fadas, para esta Defumação : Belladona, para a limpeza de ambientes, Benjoin Resina ou Canela, para limpeza de ambientes e destruição de larvas astrais. E por último, a Guiné, que atua como poderoso escudo de Magia Natural contra malefícios.


DEUS: Ser Supremo, Criador do Universo.


DEUSES E DEUSAS: Divindades respectivamente, Masculinas e Femininas, características de Religiões e Culturas Politeístas.



DEUSA BRANCA DA LUA: Conhecida entre o Povo Celta, pelo nome de A Grande Mãe ou Grande Dama. Seria a forma Geradora que manteria a Criação do Universo para este Antigo Povo e sua Descendência. Muitas outras Divindades Femininas são derivadas de seu aspecto Triplo: Donzela, Mãe e Anciã.
Esta Deusa está representada pela Lua, que influencia as Marés e as Colheitas, em suas diversas Fases.


DEUSA DURGA: Deusa Indiana, cujo nome deriva do Sânscrito e significa " Inacessível", ou aquela que é muito difícil de se conhecer. Personifica a Totalidade de todos os Deuses Indianos. Para este Povo, a Energia Benéfica de Durga permeia todo o Cosmos, representando também as Virtudes e Beleza Inigualáveis. Além de prover a Abundância, Prosperidade e Profusão sem Fim.


DEUSA DAS FLORES: Seu Nome é Creidd, uma Deusa Galesa ligada diretamente à festividade do Beltame ( Primeiro Festival de Verão entre os Antigos Celtas ).
Além de Dama das Flores, esta Deusa é também conhecida como Deusa do Amor ou Rainha Celta do Mês de Maio.


DIAMANTE: Cristal de Rocha, que alivia o Stress, protege contra os sentimentos negativos que nos são dirigidos ( como inveja e ciúmes ), afasta o sentimento da insegurança, aumenta a confiança em si próprio. Também possui a propriedade psíquica de evitar pesadelos e assegura a tranquilidade do Espírito. Pode ser usado como adorno Pessoal ou Talismã.


DISRUPÇÃO: Runa Viking, cujo significado simboliza o granizo, nevasca, ou Forças Naturais, que indavertidamente prejudicam a Vida.


DIVINDADE: Qualidade ou Condição Divina.


DIVINO: De Deus ou à Ele Consagrado.


DÓLMENS: Monumentos Megalíticos, ligados à Cultura dos Antigos Celtas. O Termo " Dólmen ", deriva do gaélico, onde thol, significa mesa e maen significa pedra.
Oa Dólmens eram formados por uma pedra plana apoiada em duas outras, em pé, em forma de colunas. Seu Centro Ritual Religioso mais Importante ainda convive com o Homem Moderno. Trata-se da Formação de Stonehenge, um Círculo de Pedras, cuja constituição suspeita-se atualmente, ter-se iniciado bem antes do surgimento dos Celtas, por volta do Ano 2.800 Anos A.C.

DRAGÕES: A palavra Dragão, vem do grego " drakon ", que significa serpente ou verme.
Esta foi a antiga visão Grega dos Dragões, que prevaleceu como protótipo em todo o Ocidente e que foi absorvida pelo Cristianismo.
Outras Tradições e Culturas interpretam os Dragões como a Síntese do Poder. Uma das principais atribuições aos Dragões, neste contexto é a de serem Guardiões Naturais de Tesouros ou de Portais Mágicos que os conduzam a eles. Tais tesouros são, geralmente a representação simbólica da Sabedoria em vias de manifestar-se, bem como os Portais e soleiras que teriam de ser transpostos para o nosso crescimento Pessoal.


DRUANTIA: Rainha dos Druidas, antigos Sacerdotes do Povo Celta. Druantia exerce influência sobre a criatividade, fertilidade e atividades sexuais. É também considerada Mestra do Conhecimento e Poderes Naturais das Árvores, além de ter a capacidade de conferir Proteção.


DRUÍDAS: Homens pertencentes a mais alta Hierarquia Sacerdotal dos Antigos Celtas. Os Druídas consideravam a Natureza, a grande Fonte de Sabedoria Universal e de Aprendizado Espiritual. Observavam os Bosques e Árvores principalmente, para descobrirem neles, os Segredos da Mãe Natureza. Com tal conhecimento adquirido preparavam remédios e unguentos. Movimentavam-se com Serenidade Sobrenatural e inexplicável. Caracterizavam-se por serem Homens extremamente cultos, de muita idade, ternura e de absoluta invulnerabilidade. Sabiam a Linguagem dos Pássaros, como invocar o Trovão e postavam-se sem medo diante de qualquer Homem.


DUENDES: Elementais pertencentes ao Elemento Terra, dotados de grandes poderes mágicos. Sua essência Etérica assemelha-se à atitude de crianças Mortais, portanto são apreciadores da Alegria, Brincadeiras e à noite deliciam-se em engendrar travessuras das mais diversas.


DUMORTIERITA: Pedra azul que proporciona coragem, confiança e uma atitude positiva em relação à Vida. Traz serenidade e ajuda a encarar a Vida com mais leveza de Espírito. Coordena harmoniosamente as forças da Mente e o processo do Pensamento.
Benéfica a todos os Signos, em especial Sagitário.



PRINCIPAIS REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS UTILIZADAS NESTE POST:

1- Diversos Autores, Periódico A Magia dos Incensos, Editora Minuano.

2- Diversos Autores, Periódico Sexto Sentido, Deuses da Índia, Editora Mhytos.

3- Eddie Van Feu, Dicionário Ilustrado de Termos mais Usados nos Círculos Mágicos e seus Significados, Editora Escala.

4- Emma Restall Or, Princípios do Druidismo, Editora Hi-Brasil.

5- Michaelis, Dicionário da Língua Portuguesa( Nova Ortografia- Conforme Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa ), Editora Melhoramentos.

6- Pedro Anós, O Tarot Celta, Editora Melhoramentos.

7- Ralph Blum, O Livro das Runas, Editora Bertrand-Brasil.

8- Shalila Sharamon e Bodo J. Baginski, Braceletes de Força e Poder, Editora Madras.

9- Ted Andrews, O Encanto do Mundo das Fadas, Editora Nova Era.

10- Tibério Bahia, O Livro dos Talismãs da Sorte, Editora Novalis.

O.B.S : A Cada dois Sábados serão postados novos Glossários, seguindo toda a sequência de nosso Alfabeto.


DATA DA POSTAGEM DA LETRA A: 14 DE FEVEREIRO.

DATA DA POSTAGEM DA LETRA B: 28 DE FEVEREIRO.

DATA DA POSTAGEM DA LETRA C: 14 DE MARÇO.


Aromas de Rosas...

Lilly Rose